segunda-feira, 31 de agosto de 2009

puzzle

.
preciso de um encaixe
que me traga o mundo
de volta
encontro a peça perdida
e peço que me tire desse
escuro intra-uterino
onde o futuro passa
em stop-motion
arranhando gaps
de memória.
Jogo de encontros
tabuleiro estranho
de vidas
giro a roleta verde
pulo uma casa
ouço o vento no shuffle
e escolho ser outra.
.

11 comentários:

Paulo Henrique Motta disse...

adorei!!

voarei por aqui mais vezes.

um abraço do Paulinho

Daniel Basilio disse...

Que bonito! O eterno quebra-cabeça da vida...

Lepz disse...

ouço o vento no shuffle é papo de los hermanos? (lepz, o intérprete)

Mônica disse...

encontrei há pouco uma peça pra continuar nesse jogo!

com o RE- faço RE-encontro,"encaje" perfeito, ainda mais bordados por mãos amigas.

homoluddens disse...

...

mjmcpr disse...

Bonito hein Paty. bj

Adrianna Coelho disse...


ouço o vento no shuffle - muito bom, pat!

saudade desse blog!

beijos

Adriana Karnal disse...

me surpreendi com teu blog...muita coisa boa escrita por aqui...

Paco * disse...

mais uma literafísica poequímica.

gostei.

Renata de Aragão Lopes disse...

Gostei!
Passearei um pouco mais
pelo seu espaço.

Um beijo,
doce de lira

vanessacamposrocha disse...

ai que medo! da peça que falta
talvez sem ela é que a vida salta

lindo texto!